E ele habitou entre nós!

“E o Verbo se fez carne e habitou entre nós.”João 1.14a

O hino “Lugar para Cristo” (31 do Cantor Cristão) celebra a mais importante notícia já anunciada em toda a história da humanidade: o Senhor Deus, criador e sustentador de todo o universo, veio a este mundo, tornou-se como nós e viveu em nosso meio! Em sua sublime poesia, esse hino nos inspira nos seus versos, como na sua primeira estrofe:

“Tu deixaste, Jesus, o teu reino de luz,
E baixaste a este mundo tão vil;
Um presépio, em Belém, tu, Jesus, Sumo-Bem,
Escolheste por berço infantil.”

O significado desta manifestação de amor (João 3.16) transcende a nossa compreensão e alcança todas as dimensões da existência da humanidade: a encarnação de Jesus é bênção para toda a criação de Deus (Romanos 8.20-25)!

Como consequência, resta a cada um de nós apropriarmo-nos desse maravilhoso gesto, abrindo os nossos corações para receber pessoalmente a Jesus! É preciso que ele habite em nós, como nos exorta o convite do poeta:

“Vem, Jesus habitar comigo,
Em minha alma há lugar; ó vem já.”

Que a presença de Jesus em seu Natal faça a todos felizes – você e sua querida família!

Do seu pastor e amigo
Gilton Medeiros